Carnaval visto daqui

Nosso primeiro carnaval em Vancouver foi logo depois de chegarmos aqui. Não demos muita bola. Estávamos descobrindo a cidade e tudo era novidade.

O segundo foi colado aos Jogos Olímpicos, então nem tivemos tempo para pensar muito.

Nesse terceiro, estamos sentindo vontade de estar no Brasil. De aproveitar o feriado saindo com os amigos. De ver e estar presente nas festas.

Acabei lembrando agora da última festa de carnaval que fomos. Logo antes de vir para cá numa casa na Gamboa, que esqueci o nome agora (tô ficando velho…), com vários amigos. Ô saudade de ouvir as marchinhas carnavalescas!

No domingo liguei meu computador na televisão, acessei o site do G1 e vimos dois desfiles, Portela e Unidos da Tijuca.

A primeira coisa que aconteceu foi uma estranheza. Depois de dois anos a gente já se acostumou com ligar a televisão e só ouvir inglês. A gente nem percebe mais que não é nossa língua de tão natural que ficou.

Lembro que quando chegou aqui ainda tinha problemas de entender alguns programas. Por exemplo o House. Tenho mais dificuldades de entender tons mais graves e principalmente sussurros e murmuros. Que é como o House fala o tempo todo. Hoje já desce macio.

A segunda estranheza foram os narradores, que depois de muito tempo não eram mais os mesmos. Acho a Glenda Kozlowski excelente fazendo reportagens no esporte, mas no carnaval… não convenceu muito não. O Luis Roberto foi tranquilo. Mas como ele sempre narra esporte fica parecendo que a qualquer momento vai ter um gol.

O desfile da Portela, escola do coração da Luiza, foi bem fraquinho. Mas deu saudade de ir nas feijoadas da Portela.

A Unidos da Tijuca foi mais interessante de ver.

Ontem cheguei em casa perto das onze da noite depois de 17 horas de labuta e liguei de novo a TV para tentar ver alguma coisa. Não passei de vinte minutos vendo a Porto da Pedra. Estava muito cansado.

Aí agora pouco dei uma olhada nos melhores momentos dos desfiles no site do G1.

Não é a mesma coisa o carnaval visto daqui. Dá vontade de pegar o primeiro avião e ir aproveitar o carnaval. O problema é que só chegaria lá amanhã e não teria mais muito carnaval…

2 respostas a Carnaval visto daqui

  1. Daniela diz:

    Os blocos (os menos cheios ou em lugares mais amplos) foram bem legais esse ano, com todo mundo fantasiado, animado. Eu, que não sou tão fã do carnaval do rio, me diverti muito.
    Ah, e o baile foi no Trapiche Gamboa !

  2. Oswaldo diz:

    Trapiche Gamboa! Isso aí! Não conseguia lembrar o nome do lugar de jeito nenhum!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: